Não é novidade que os eSports têm vindo a ganhar terreno “virtual” em todo o mundo. Antes, as competições online e em streaming eram vistas como uma atividade de nicho e ligadas maioritariamente aos jovens. Entretanto, foram conquistanto atletas e equipas profissionais, que passaram dos campos reais aos virtuais, com competições internacionais de dimensões nunca antes vistas. Hoje, são um universo muito interessante para as marcas estarem próximas do seu público, pelo enorme crescimento que tiveram e que continuam a ter. Tendência ou facto? A verdade é que vários países já regulamentaram os eSports como qualquer outro desporto e alguns até, como a Coreia do Sul, passaram a considerá-los uma profissão. O próprio Comité Olímpico já foi sondado para os incluir, num futuro próximo, nos Jogos Olímpicos.

eSports | Os jogos a não perder de vista em 2021

O universo dos eSports está em constante renovação e inovação. Todos os anos, aparecem novos jogos ou novas versões daquilo que já podemos considerar como “os clássicos” deste universo. Jogos transversais em termos de faixa etária na maioria das vezes, através dos quais, os jogadores vão evoluindo e ganhando maturidade. A maior parte destes “clássicos” movimentam batalhões de fãs, jogadores e equipas mundialmente famosos e competições digitais ou hibridas de grandes dimensões.

Ainda não conhece? Porque não se estrear com um dos top 5 dos eSports mais jogados ou assistidos em Janeiro de 2021 ? (fonte Twitch)

  1. Rust: Este jogo subiu para o primeiro lugar do ranking da Twitch, com 197 milhões de horas assistidas, a n´ível mundial em Janeiro. Baseia-se em ação, aventura e sobrevivência. Streamers famosos a nível mundial, como Félix “xQc” Lengyel e Michael “shroud” Grzesiek, impulsionaram esta subida de posição. É um jogo de ação, aventura e sobrevivência: “O objetivo é sobreviver num cenário difícil e lidar com elementos como o clima, a radiação e a fome”.
  2. League of Legends: Este é um jogo de batalha e talvez o jogo multi-jogador mais conhecido pelo público geral. Com 186 milhões de horas assistidas no Twitch, ocupa o segundo lugar do ranking em Janeiro.
  3. Fortnite: A competição online que desafia os jogadores à sobrevivência individual ou em equipa. Existem 4 modos de jogo para criar experiências diferentes: Battle Royale, Festa Royale, Modo Criativo e Salve o Mundo. Um jogo de comunidades e interação, que está entre o preferido de grupos mais jovens, com 126 milhões de horas assistidas no Twitch, no mês passado.
  4. Minecraft: Um jogo livre para a criação personalizada do próprio ambiente. O cenário de jogo é construido com blocos e o jogador parte dai para uma aventura. Pode fazer parte de uma comunidade e criar as suas próprias ferramentas. Uma liberdade em streaming que lhe conseguiu 119 milhões de horas assistidas.
  5. Escape From Tarkov: Um jogo passado na Rússia, depois de um escândalo político e económico. O jogador tem de se aliar a uma equipa militar e escapar desta cidade, através de batalhas multi-jogadores, que envolvem desafios. Em Janeiro, estava na 5ª posição da lista dos mais jogados ou assistidos no Twitch, com 114 milhões de horas de visualização.

Numa plataforma de streaming perto de si.

« O universo dos eSports está em constante renovação e inovação. »

Streaming e plataformas | Transmissões que podem encher vários estádios

Podemos participar, direta ou indiretamente em eSports, ou assistir a competições online e a nível mundial, ao vivo ou em streaming, em diversas plataformas: desde o YouTube até a apps e canais dedicados. Quem aprecia ou joga eSports reagrupa-se cada vez mais em espaços temáticos específicos onde reinam os influencers e onde se ditam as novas tendências em termos da modalidade. São novos canais de comunicação, redes e audiências em alguns casos gigantes, claramente mais herméticos às marcas.

  1. Twitch: Este site de streaming surge em 2011, nos Estados Unidos. A sua funcionalidade vem dar resposta a este universo em expansão, e o foco principal é a transmissão de video games, playthroughs (imagens ou vídeos como documentário de uma jogada, e comentários do próprio jogador), e de competições eSports. A Twitch veio revolucionar a forma como se vive cada jogo, e hoje em dia é um dos canais mais importantes de eSports, com milhões de visualizações diárias a nível mundial. Portugal não é exceção, sendo que aqui conta com mais de meio milhão de inscritos. “A Twitch não é apenas um streaming, é um universo vivo de comunidades, onde todos são recebidos como parte de uma grande família”.
  2. Youtube: A plataforma Youtube dedicou um novo espaço aos jogadores e amantes dos eSports. O Youtube Gaming permite participar em eSports, em streaming e dar ao jogador tutoriais úteis para a sua melhor competição. Até hoje, o jogo mais visto no Youtube é o Fortnite, com cerca de 9 milhões de visualizações de conteúdo por mês, a nível mundial.
  3. DLive: Um canal de streaming de vídeo mais recente. Foi fundado em 2017 e posiciona-se como uma alternativa a outros canais, como o Youtube e aTwitch. Tem como principal missão a transmissão de jogos ao vivo, e a capacidade de acrescer valor ao próprio visitante. O Dlive permite ganhar recompensas enquanto assiste e interage com outros streamers; entrar numa comunidade de jogadores que partilham experiências e dicas; explorar um vasto número de jogos. Tudo isto, torna o canal diferenciador por colocar toda a experiência e evolução nas mãos do utilizador.
  4. Facebook Gaming: Uma plataforma de extensão do Facebook, onde podem assistir a transmissões de jogo ao vivo e criarem os seus próprios conteúdos. Permite assitir a jogos mais populares deste universo, vídeos curtos de transmissões de sucesso, ou seguir streamers para estarem a par das suas dicas de jogo. Aqui é possível gerar uma economia centrada em apoiar o produtor de conteúdo, pela compra e doação de estrelas, por parte de quem visualiza.
  5. Canais de televisão: Assistir às maiores competições de eSports deixou de ser apenas possível em plataformas de streaming. Hoje em dia, é possível desfrutar destes momentos através de app e canais de televisão por assinatura. Uma estratégia de audiências que permite revolucionar todo este mundo e os próprios canais, como a TBS Brasil, a ESPN (Estados Unidos) e a BBC.

« São novos canais de comunicação, redes e audiências em alguns casos gigantes. »

Os eSports no mundo e em Portugal | Um crescimento imparável

Os eSports têm vindo a crescer em termos de jogadores e seguidores, tanto em Portugal como a nível mundial. Estes tempos de confinamento e de menor interação social, também contribuiram para acelerar esta tendência.

Em 2018, a audiência de eSports foi superior ao público acumulado da HBO, Netflix e do canal ESPN. E em 2020, a Twitch conseguiu o seu recorde de visualizações com 1,1 milhões de horas no mês de Março. A nível mundial, já grandes marcas adoptaram este mercado para a sua estratégia de marketing, como a Redbull, Nike, MasterCard, KFC, Mercedes-Benz…

Estima-se que em Portugal, cerca de 10 mil pessoas fazem parte de novos grupos de gamers, que praticam diariamente com o objetivo de se tornarem profissionais. Esta é portanto uma modalidade que as marcas têm de considerar cada vez mais nas suas estratégias de marketing, nomeadamente tendo em conta as audiências que move e a especificidade das plataformas onde as mesmas se movimentam.

 

Casamos marcas e oportunidades. Deixe-nos guia-lo no universo do eSport e das plataformas de streaming. Fale connosco por whatsapp: 911 105 495, email marketshow@marketshow.pt, ou nas nossas redes sociais.

#esports #brandactivation #changeyourmindset #marketingtrends #thinkpositive #celebratethenewnormal #thinkoutsidethebox #happybrands #brandactivation #marketing #happypeople #happytalents #marketshow #wemakeithappy

How interesting was this post?

Click on a smiley to rate it!

Average rating 5 / 5. Vote count: 3

No votes so far! Be the first to rate this post.

We are sorry that this post was not interesting for you!

Let us improve this post!

Tell us how we can improve this post?