O Green Marketing está rapidamente a entrar no quotidiano das marcas, imiscuindo-se no seu ciclo de vida, contribuindo para ajudar as empresas a inovar e desenvolver novas formas de fazer negócio de forma sustentável. Permite às marcas contar uma nova história, transmitindo uma mensagem ambiental positiva e atraindo novas comunidades à sua volta.

O Green Marketing está a mudar a face das marcas que o utilizam e o destino das empresas que o praticam. Descubra mais!

O conceito de Green Marketing | Uma opção consciente

O Marketing Verde, também conhecido como marketing ambiental ou eco marketing, é a estratégia que leva à criação e promoção de bens ou serviços amigos do ambiente. O foco está em beneficiar o ambiente seja na parte da escolha das matérias primas, do fabrico, da packaging, do processo de comercialização e/ou das ações de promoção e divulgação do produto ou serviço.

E o Green Marketing tem junto das comunidades atuais um benefício direto para as marcas. Melhora a sua credibilidade, permite entrar em novos segmentos de mercado que partilham a mesma preocupação e ganhar uma posição de destaque entre a concorrência. Tudo isto porque a consciência ambiental faz parte da vida de cada vez mais pessoas. 80% dos consumidores globais são mais fiéis a marcas que valorizam o crescimento das comunidades e as opções de marketing sustentável, do que aquelas que procuram simplesmente lucro ou “estatuto”.

“O Marketing Verde, também conhecido como marketing ambiental ou eco marketing, é a estratégia que leva à criação e promoção de bens ou serviços amigos do ambiente.”

A importância da sustentabilidade e ecologia no Marketing | Porquê?

É uma mudança rápida e uma constante alteração nas condições e características do planeta. As ameaças ao meio ambiente são atualizadas com dados diários: poluição do ar, desflorestação, produtos químicos prejudiciais, poluição pelo uso de plásticos… São ameaças que se transformam em desafios a ultrapassar para as marcas quer de forme voluntariosa quer por força de lei.

O Green Marketing é importante não só pela redução e combate a todas estas ameaças, mas pelo nível de consciência ecológica que está a aumentar entre os consumidores. É o melhor das duas faces de uma mesma moeda: oportunidade de contribuir para a sustentabilidade do nosso planeta e de ir ao encontro das expectativas de novos consumidores que esperam ações e inovações concretas por parte de marcas e empresas.

“O Green Marketing é importante não só pela redução e combate a todas estas ameaças, mas pelo nível de consciência ecológica que está a aumentar entre os consumidores.”

Que impacto pode ter o Green Marketing nas marcas?

Sociedades com mudança no pensamento, processos de produção alterados, técnicas de marketing (re)pensadas para a proteção do ambiente e sustentabilidade. É isto que acontece nos mercados de forma global, e por isso o Green Marketing se torna importante. Mas, qual é na verdade o impacto que este Marketing Verde e a adoção de práticas de sustentabilidade pode trazer às marcas?

  • A defesa das marcas pelos consumidores. Os consumidores atuais tendem a expressar a sua satisfação em adquirir algo de uma marca sustentável e com verdadeiros processos de marketing verde. O chamado marketing “boca-a-boca” que traz novos potenciais consumidores e aumenta comunidades;
  • A eficácia das ações e campanhas com uma mensagem de proteção ambiental. O marketing ecológico ajuda a construir comunidades, o que permite direcionar campanhas e ações de forma mais assertiva, potencializando retorno e resultados;
  • Parcerias de colaboração. Transmitir uma mensagem positiva no mercado e assegurar uma forte posição junto das audiências é essencial, e para isso é necessário estar onde o nosso público está. Numa altura em que o Green Marketing faz parte das marcas, é valorizada a colaboração com instituições sociais, comunidades de voluntários, grupos de apoio a questões ambientais. Aumentar comunidades de brand lovers que compreendem a defesa da causa e procuram trabalhar para o mesmo objetivo, torna os consumidores genuinamente interessados na marca;
  • Comunicação social que procura boas ações. Ser a marca falada em artigos de comunicação e informação, programas televisivos, eventos de imprensa, ou outros canais de comunicação social, é dar vida e voz à marca. Aumenta a sua notoriedade, eleva os seus valores e prioriza a sua eficácia e desempenho sustentável. Consequentemente a marca passa a ser tema entre o público, dando ênfase a um cem número de etapas positivas que se seguem.

“Sociedades com mudança no pensamento, processos de produção alterados, técnicas de marketing (re)pensadas para a proteção do ambiente e sustentabilidade. É isto que acontece nos mercados de forma global, e por isso o Green Marketing se torna importante.”

E como dar forma ao Green Marketing? | Dicas e estratégias

Depois de compreendido o conceito, é altura de inovar e integrar o próprio mercado como sendo uma Green Brand. Deixamos-lhe algumas ideias rápidas para começar a dar forma ao seu novo marketing:

– Opte por matérias primas, embalagens (biodegradáveis, recicláveis, feitos de fontes renováveis, etc…), processo de fabrico e de transporte e sistemas de comercialização que contribuem para minimizar a sua pegada ambiental e cuja a escolha pode (e deve) ser sustentada por uma rigorosa análise do ciclo de vida dos produtos. E não se esqueça que o mundo é a sua loja e que cada vez mais decisões de compra, nomeadamente a nível internacional, têm em conta as Declarações Ambientais de Produto (EPD).

– Implemente ações, ativações e comunicações que também elas têm em conta o seu impacto ambiental. Reduza o consumo de papel (de utilização única), reutilize ou recicle estruturas e materiais, privilegie tecnologias e energias amigas do ambiente, etc…

– Reutilizar, reciclar, revender, fazer render…. O antigo “usar e deitar fora” está cada vez mais fora de moda e quem o diz é justamente o sector da moda. Inspire-se nas inúmeras marcas que já integram a economia circular nas suas estratégias de desenvolvimento e inovação;

– Transmita e comunique a sua marca verde. Inclua os consumidores e possíveis consumidores em todo o processo, explicando a produção, o transporte, o design, as opções… dê razões verdes, certificadas e credíveis, para a ser a escolha certa;

– Alie a sua marca a projetos, comunidades ou instituições com os mesmos interesses. Defenda causas e deixe que a sua marca seja a causa da escolha dos consumidores.

 

O Green Marketing potencia o envolvimento dos consumidores com a sua marca e é hoje um pilar essencial no desenvolvimento empresarial. Veio para ficar. Mas como qualquer estratégia atual tem de ser credível, sustentado e traduzir-se em mudanças a todos os níveis da empresa. Walk the talk or you will be walking alone.

E justamente, estamos aqui para o ajudar a impulsionar o marketing verde da sua marca ou empresa. Somos early adopters. E é com uma visão omnichannel que atuamos para amplificar a sua marca de forma sustentável, num universo que todos podemos ajudar a preservar.

Descubra como o podemos ajudar. Fale connosco: marketshow@marketshow.pt

#greenbrand #greenmarketing #sustainability #newmarketing #changeyourmindset #happybrands #marketing #happypeople #happytalents #wemakeithappy #marketshow

How interesting was this post?

Click on a smiley to rate it!

Average rating 4.7 / 5. Vote count: 3

No votes so far! Be the first to rate this post.

We are sorry that this post was not interesting for you!

Let us improve this post!

Tell us how we can improve this post?