Estamos na era da explosão das plataformas digitais. Cada qual com as suas características e todas procurando mover comunidades e criar fãs. Hoje trazemos-lhe mais sobre o Twitch, a plataforma de streaming que tem dado que falar não só no mundo do gaming, mas também entre os criadores de conteúdos, os vloggers, os músicos, os artistas… e as marcas.

Lançada pela primeira vez em 2011 e comprada pela Amazon em 2014, tornou-se a maior plataforma de streaming online do mundo, e a cada dia está a tornar-se num lugar de oportunidade para as marcas. No 1º trimestre de 2021, alcançou 9,5 milhões de streamers ativos num só mês e o número de horas assistidas atingiu um recorde de 6,34 mil milhões. E ainda tem espaço para crescer enquanto que plataforma de eleição da geração Z, alpha… e não só.

O objetivo de uma estratégia no Twitch? Desenvolver uma comunidade e dar vida à sua marca num espaço de comunicação não saturado. Mas este espaço envolve conhecimento, guidelines, contexto e envolvência. E sobretudo o conhecimento das suas funcionalidades e potencialidades. Descubra mais sobre o Twitch!

 

O crescimento das funcionalidades do Twitch | Gamers, criadores de conteúdos e marcas


A própria plataforma tem vindo a evoluir, não só nas suas funcionalidades que acompanham tendências a cada ano, mas também como conceito em si. Inicialmente, surgiu no mercado como uma plataforma para gamers. Permitia transmissões de competições de jogos ao vivo e streaming de jogadores que partilhavam as suas táticas com os espetadores. Criavam-se verdadeiras legiões de seguidores para streamers e gamers profissionais. E as próprias produtoras, utilizavam a plataforma para eventos de apresentação de novos jogos. Hoje, vai muito mais para além deste contexto.

O Twitch ganhou o coração dos mais variados criadores de conteúdos, que viram aqui a oportunidade de criar as suas comunidades e interagir em tempo real. Conquistou marcas que encontraram o seu novo espaço de divulgação. E impulsionou a paixão pelo streaming em novos públicos.

Qualquer pessoa pode aqui criar um perfil, fazer as suas transmissões ao vivo, criar um chat com mais utilizadores e alimentar a partilha de opiniões em tempo real sobre determinado tema. O melhor do Twitch é a facilidade e a integração que permite a qualquer pessoa, que mesmo que não tenha uma conta criada pode assistir a lives, embora não participe em chats de grupo. Aqui jogam-se jogos, faz-se artesanato, cria-se música ou simplesmente partilha-se o dia-a-dia, sendo que com o premir de um botão, pode partilhar com amigos e estranhos o que quer que seja e o que quer que esteja a fazer nesse exato momento. Mas atenção, se aqui é fácil partilhar, não que dizer que alguém preste atenção e há quem aqui passe anos pregando… para si próprio. Aqui a importância da qualidade e relevância do conteúdo ganha uma nova dimensão.

Como funciona o Twitch?


O Twitch embora seja a nova casa para conteúdos de várias áreas, funciona como uma plataforma organizada por temas e intuitiva para os seus utilizadores. Depois do utilizador aceder ao seu perfil, é possível escolher a que conteúdo quer assistir (ou participar no chat) por categorias ou canais. Sejam lives de jogos, cozinha, desporto, ou até começar a sua própria transmissão ao vivo a falar sobre aquilo que mais gosta.

Mas nesta altura, deve estar a perguntar como é que as marcas podem estar inseridas nesta plataforma e acrescentar algum tipo de valor ao seu marketing. Nada mais do que juntar o útil ao agradável. O Twitch funciona para as marcas como a combinação do formato vídeo, interatividade e comunidade. E estes são pilares essenciais a qualquer marca que podem ser feitos não só através de anúncios.

A importância do Twitch para marketers


De acordo com um estudo recente, a live é o formato de conteúdo mais valioso dentro do mercado. Aquele que tem demonstrado corresponder aos objetivos de marcas e marketing. E o Twitch é a plataforma ideal para o desenvolvimento sustentado desta nova tendência que veio para ficar.

O Twitch está a caminho de ultrapassar os 40 milhões de utilizadores (viewers) mensais. É um número que representa uma audiência de grande escala e onde pode captar a atenção de novos públicos para a sua marca. Este crescimento no número de utilizadores continua em expansão. E aqui existe uma real oportunidade de criar a sua comunidade e deste se tornar num canal estratégico de captação de leads. Não só pelo número de utilizadores, mas também pela preferência do público por conteúdos de vídeo e ao vivo, que é precisamente a forma como funciona o Twitch. Dependendo da sua audiência, o importante é canalizar a comunicação dentro da plataforma para esse público através de chats e lives diferentes.

Por outro lado, uma das grandes tendências (e vantagens) da rede social Twitch, é a migração de influenciadores para esta plataforma. O Twitch está portanto a impor-se com uma rede tendência onde marketers podem dar novos impulsos à sua presença digital. Criando comunidades de marca de forma direta e com canais próprios de marca, ativando públicos através dos patrocínios dentro da plataforma e do influencer marketing ou ainda gerando leads através da integração de outras ferramentas como o affiliate marketing. Lives sobre a marca, que apelam à interação e resposta direta. Apresentação de novos produtos/serviços. Patrocínios de streamers, gamers, competições ao vivo. Esta plataforma de streaming, permite uma comunicação de marca direta “one to many” efetiva e eficaz e principalmente num mercado “não saturado”.

E para algumas marcas, não é novidade o potencial desta plataforma digital, e muitas já o integram no seu marketing mix. Aqui já marcam presença marcas como a Nike – que realizou um evento de apresentação de produto ao vivo, com milhares de espetadores, para lançar o seu novo modelo de ténis. Ou a Red Bull – que patrocinou o maior streamer do Twitch, durante uma competição de Fortnite com mais de 150.000 espetadores em simultâneo. São marcas que procuram alargar audiências e conquistar consumidores. Mas porquê? E como?

Porquê e como as marcas estão a utilizar o Twitch


No Twitch multiplicam-se as oportunidades do novo marketing para as marcas. Organizar e/ou fazer parte de competições online, eventos digitais que reúnem milhares de espetadores/participantes, aulas de grupo ou palestras organizadas onde a marca possa estar envolvida, entrevistas a convidados do ramo de atuação… e quem sabe, a participação em live de brand lovers. Porque o Twitch continua em desenvolvimento e está a ganhar terreno no universo das marcas:

1- Awareness e imagem

O Twitch permite expandir o awareness da marca, nomeadamente junto de audiências que se agrupam em plataformas menos permeáveis às mesmas, como a geração Z ou alfa. Aqui atingem-se novas audiências, potenciais consumidores, mas sobretudo trabalha-se imagem e empatia, pois o potencial existe e é bem real de criar proximidade com o cem número de utilizadores e espetadores que aqui estão diariamente.

2- Segmentação de público-alvo

Aqui podemos comunicar enquanto que marca, mas de forma quase personalizada. As lives e chats criados podem ser orientados para determinado público que a marca quer atingir. E o conteúdo, esse, é especialmente preparado para cada target, tendo em conta os objetivos e o público a impactar, pois no Twitch ou és relevante e eficaz na tua comunicação “one-to-many” ou ficaste pelo “one-to-peanuts”.

3- Geração de leads

É o segredo de fazer da comunicação da marca, o estilo de vida do público-alvo. Desta forma, é como se a marca fosse um exemplo a seguir. E isto resulta também através da ativação de influenciadores e criadores de conteúdos, que faz com que as suas comunidades “corram” atrás do que a personalidade está a fazer, os seus hábitos de consumo, os seus gostos, os seus produtos preferidos.

4- Influencer e affiliate marketing

Grandes plataformas como o Twitch reconhecem a necessidade de atrair e reter influencers e criadores de conteúdos. Esta é, portanto, uma plataforma altamente monetizada que convida os melhores e remunera os seus streamers. É, portanto, uma plataforma ideal para uma campanha de affiliate marketing, mas é também uma ferramenta poderosa de influencer marketing no verdadeiro sentido do termo. Aqui mais do que nunca, é importante escolher de forma correta o influencer que vai ao encontro dos objetivos da marca e deixá-lo comunicar ao seu estilo, de forma genuína e criativa.

5- Patrocínios

Associar marcas a streamers, a lives, a projetos, a competições online. Não só do universo físico se fazem os patrocínios. No Twitch, as marcas podem patrocinar diferentes formatos de conteúdos e desenvolver a sua integração nesta plataforma.

6- Anúncios pagos

Como já acontece em outras plataformas digitais, no Twitch cada marca pode criar os seus anúncios segmentados. É a junção da comunicação de forma orgânica e paga.

O Twitch destaca-se pelos seus elevados níveis de envolvimento e forte comunidade. É também altamente interativo e reativo. É indubitavelmente interessante como plataforma de comunicação para as marcas, pelos milhões de viewers que movimenta e a forma agregada como o faz (em comunidades). No entanto, é um espaço difícil de penetrar onde os utilizadores podem não apreciar formatos publicitários tradicionais, tal como anúncios em pré-visualização ou ações de product placement demasiado obvias. Mas adoram conteúdos criativos, brindes e campanhas gamificadas, por exemplo.

É portanto, um espaço onde o marketing verdadeiramente criativo e de conteúdo pode vir a criar magia para a sua marca. Numa altura em que o ruido publicitário é ainda relativamente reduzido: uma janela de oportunidade que se está a tornar cada vez mais estreita. Mas o Twitch é sobretudo a rede das novas gerações, do futuro, portanto onde existe uma oportunidade fantástica de construir uma comunidade de brand lovers verdadeiramente empenhados. Mas implica tempo, foco e a capacidade de experimentar e de se reinventar naquilo que são os pressupostos de um novo marketing mais genuíno, mais autêntico, mais Twitch! Now is the time!

#twitch #digitalmarketing #marketingtrends #brandactivation #contentmarketing #socialmedia #happybrands #marketing #happypeople #happytalents #marketshow #wemakeithappy

How interesting was this post?

Click on a smiley to rate it!

Average rating 0 / 5. Vote count: 0

No votes so far! Be the first to rate this post.

We are sorry that this post was not interesting for you!

Let us improve this post!

Tell us how we can improve this post?